Um dia como cervejeiro na AB-Inbev

IMG_0335[4756]

Eu sempre comento que fazer um MBA internacional é aprender muito além sala de aula e recentemente fui à um evento que foi uma grande prova disso. Trata-se do “One day at the beer chain”, um evento organizado pela empresa Belga-brasileira AB-Inbev (controladora da cervejaria Ambev), para um grupo seleto de 30 alunos de MBAs e Mestrados de Madri para divulgar os Programas de emprego oferecidos pela empresa. Uma oportunidade única para conhecer o escritório da Ab-Inbev em Madri, aprender sobre o processo de fabricação da cerveja, controle de qualidade, logística, marketing e vendas.

O dia começou com a divertida atividade onde fabricamos nossa própria cerveja, depois fizemos um teste de qualidade para identificar cervejas abaixo do padrão de qualidade, aprendemos sobre processo de produção e logístico da cerveja e por fim tivemos uma experiência bem prática de como são as negociações entre a empresa e seus clientes, foi incrível! Um mix de teoria e prática, simulando o dia a dia da maior cervejaria do mundo.

Uma observação interessante que faço aqui é como são jovens os líderes da empresa, uma característica bem comum nas empresas do grupo 3G e tendência no mercado competitivo, dinâmico e moderno.

Também tivemos uma interessante apresentação do Diretor de Marketing da empresa sobre as estratégias e projetos de expansão no país, como conectar-se com o consumidor, estratégias de premiunização da marca, como atingir os milleniums e o novo foco da empresa em mídias digitais, temas recorrentes nas aulas de MBA da IE Business School.

Ao final, aprendemos como deve ser servido um bom chope e celebramos com um alegre brinde.

Cheers!

Guilherme Ubiali

Agradecimento especial Maria Neves, uma das organizadoras do evento e ex-aluna da IE do Erasmus Programme.

#onedayinbeerchain #ABIeventMadrid

 

Anúncios

Um típico dia de um aluno de MBA na Espanha

 

Guilherme Ubiali IE Business School

Guilherme Ubiali na IE University.

Como é cursar um MBA na Europa? Como é seu dia a dia em Madri? Essas são perguntas muito comuns que recebo como aluno do International MBA da IE Business School, por isso resolvi fazer esse artigo e contar como é um típico dia de um aluno de MBA na Espanha.

Uma anedota muito comum é dizer que nossa vida é dividida entre três coisas dais quais você tem que escolher duas: Estudar, fazer networking e dormir. Eu particularmente não concordo que você tenha que escolher apenas duas das três, mas com certeza administrar seu próprio tempo (ou a falta dele) é um dos maiores desafios do aluno de MBA.

A seguir, conto como é a minha rotina e como eu tenho feito para administrar o meu tempo.

8h00 – O despertador toca, é hora de levantar. O sol ainda está nascendo em Madri e o friozinho deixa tudo mais difícil.

9h00 – Iniciam-se as aulas. Os alunos chegam, alguns alegres e outros mais sonolentos, dependendo de como foi a noite anterior. Aula do dia, Corporate Finance e Managerial Decision Making. As aulas variam muito, não seguem uma linha constante. A cada três meses termina um “term” e trocam todos os temas e professores.

11h00 – Intervalo 40 minutos de comer alguma coisa. Perto da faculdade existem várias opções e com 10 euros consegue-se almoçar.

11h40 – De volta às aulas, a tarde de hoje foi reservada para Marketing Management e Strategy.

15h00 – Terminam as aulas, mas não o dia. Temos reunião do Club Brazil, o qual sou presidente, e em seguida uma reunião rápida do grupo de trabalho de sala.

16h00 – Palestra sobre BlockChain, uma tecnologia totalmente disruptiva que promete transformar diversas industrias como healthcare, bancos e telefonia.

17h00 – Company presentation. Hoje a vez foi da indústria Farmacêutica, ao final um coquetel de networking. Vinho e cerveja a vontade, mas como meu dia ainda está só na metade, eu fico no refrigerante.

18h30 – Enfim em casa e hora de trabalhar. Terminar a minha parte do trabalho e enviar para o grupo para revisão.

19h30 – Parada rápida para o jantar.

20h00 – De volta aos estudos, agora é a vez de preparar-me para a aula do dia seguinte. Leitura de um ou dois cases, acompanhados de mais três artigos, normalmente entre 60 e 90 páginas por dia.

23h30 – Enfim terminando a leitura e, como não sou de ferro, vou assistir um episódio da série que acompanho no Netflix.

00h30 – Pronto para dormir e descansar para um novo dia.

A rotina de um aluno do International MBA da IE é mais ou menos assim todos os dias. Alguns dias com mais company presentations, outros com mais leituras e outros mais livres nos quais é possível ir a feiras tecnológicas, fazer compras ou sair com os amigos.

Aos finais de semana a gente aproveita mais, é sempre possível caminhar pelo belo parque do Retiro, passear de bicicleta por Madrid ou viajar. Eu viajo a cada dois finais de semana, afinal, estamos na Europa!

Como viram, a rotina é intensa, começa cedo e termina tarde, mas o mais importante é que quando o dia termina você não se sente exausto, pelo contrário, está animado e ansioso para mais um dia!

Um abraço,

Guilherme Ubiali

Global Village – O mundo em um só lugar: a IE Business School

Foi com a frase “Bem-vindo à maior extravagância cultural da IE Business School” que começou minha viagem pelo mundo. Com mais de 90 nacionalidades presentes, o campus a IE é um caldeirão de culturas. Por isso, anualmente o Net Impact Club organiza um evento para celebrar essa rica diversidade cultural com muita alegria, o Global Village.

IMG-20160609-WA0024

Esse ano o evento aconteceu numa ensolarada quinta-feira de junho em Madri e reuniu entre 400 e 500 pessoas; alunos, partners, professores, pessoas da comunidade, funcionários da IE e ex-alunos marcaram presença nesse dia maravilhoso.

Mas como funciona o evento?

Dentro da IE encontramos dezenas clubes (se não me engano, mais de 90) separados em diferentes áreas de interesse: negócios (marketing, empreendedorismo, comunicação, e-commerce, etc), lazer (dança, yoga, etc), esportes (basquete, futebol, vôlei, rugby…).

Acontece que cada país costuma ter seu clube também. No Global Village, portanto, esses clubes são convidados a montar barraquinhas e mostrar um pouco da sua cultura com comida, bebida, roupas e música. Esse ano também marcaram presença no evento os clubes de Dança e LGBT.

É claro que o clube brasileiro teve uma barraca caprichada lá! Com a participação de quase todos os brasileiros estudando na IE em Madri (a maioria vestida com a amarelinha), conseguimos fazer bonito com pão de queijo, brigadeiro, guaraná e aquele que fez mais sucesso, o açaí. Além disso, com apoio de uma escola brasileira de capoeira daqui, fizemos uma linda apresentação.

Foi um evento incrível, não só porque a gente pode mostrar nossa cultura, mas também porque pode ver e viver um pouco da cultura de diversos países representados por seus estudantes na Europa.

Muitos amigos do International MBA dançaram a caráter músicas de seus países, serviram comidas e bebidas típicas, sempre com muita animação! Eu tentei aproveitar um pouquinho de cada país, e experimentar coisas que eu nunca tinha visto antes.

Uma oportunidade única de conhecer e viver a cultura dos meus amigos, mostrar um pouquinho do Brasil e me divertir bastante – algo propiciado somente por um MBA no exterior que tenha muita diversidade de nacionalidades.

Outra coisa legal: esse evento é também um projeto social do Net Impact Club e toda a renda é revertida para o Social Responsibility Forum, que acontece anualmente, colocando alunos e empresários em contato. Juntos, eles pensam e debatem soluções empreendedoras e inovadoras para os assuntos de maior pressão social no mundo.

Se você gostou do evento e quer mais fotos e vídeos. Publiquei mais coisas aqui no meu blog.

Guilherme Ubiali

TEDx IE Madrid– O MBA além da sala de aula

Semana passada tivemos um grande evento aqui em Madri, o TEDx IE Madrid – e como a sigla está dizendo, capitaneado pela própria IE.

Para quem não sabe, os “TEDx” são eventos independentes organizados ao redor do mundo com a chancela TED (do inglês Technology, Entertainment, Design). Um pouco mais preciso que seu irmão maior, que reúne grandes influenciadores mundiais para discutir temas que afligem a população global, o TEDx reúne a comunidade local para debater assuntos que causam impacto de forma mais específica.

Uma oportunidade de ouro para um estudante de MBA na Europa entender o pensamento daqui sobre diversos assuntos.

O tema de 2016 foi “Why Not?”, em português, “Por que não?”. Um jeito de os organizadores (dentre eles muitos colegas da IE Business School), questionarem diversos ‘pontos de interrogação’ envolvendo assuntos bastante diversificados: inclusão LGBT, investimento com impacto social, meio ambiente, relacionamento no trabalho, evolução do capitalismo, entre outros.

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

O evento foi recheado de gente interessante e, para falar a verdade, sempre fui fã dos projetos TED. A oportunidade de estar presente em um acontecimento desses fora do país é muito legal, porque reúne pessoas com experiências e histórias diferentes – uma chance imperdível para quem estuda no exterior.

O networking é intenso, consegui conversar e tirar dúvidas diretamente com os palestrantes, uma energia muito bacana em um ambiente fantástico que é o auditório do Google aqui em Madri.

Por isso que eu digo: o MBA aqui na Europa vai além da sala de aula!

Links úteis:

TEDx IE Madrid

Discursos TED mais influentes em 2016

Abraços e até breve!

Guilherme

Comemoração e novos rumos para o Brazilian Club

Oi, Pessoal. Tudo certo?

Sou o Guilherme Ubiali, colega do João e da Ana no International MBA, escrevendo direto de Madri! A partir de agora a gente vai se “ver” algumas vezes aqui no blog que conta o dia a dia de um MBA na Europa. A vida como estudante no exterior tem sido muito intensa! Além dos estudos e várias provas, também nos dedicamos bastante aos eventos promovidos pela comunidade de alunos e pela própria IE.

Semana passada, eu e outros brasileiros nos reunimos no Selfie (bar bastante frequentado pelos estudantes da IE) para comemorar o sucesso do Brazilian Day, evento mais importante que promovemos enquanto membros do Brazilian Club da IE. Nessa reunião também definimos a nova coordenação.

Nossa função principal como Clube é a promoção da cultura brasileira na IE e a interação entre os membros do clube – no total somos cerca de trinta brasileiros aqui na IE, cursando o Master in Management, International MBA, Executive MBA e a graduação.

Olha a gente na foto ai! Ao fundo, de preto, o Leonardo, antigo presidente do clube. Ao lado dele, de camisa clara mais ao centro sou eu! Estou assumindo agora esse papel de novo presidente do clube, muito orgulho e responsabilidade de representar nosso país aqui na IE.

IMG-20160519-WA0004

O último Brazilian Day aconteceu dia 22 de abril (não por acaso, dia do Descobrimento do Brasil). Esse ano a festa foi um enorme sucesso. Organizamos um evento para 450 pessoas, em parceria com o bar Real Café Bernabéu (Sim, a festa foi dentro do estádio do Real Madri!). Foi uma das maiores festas da IE, um ambiente mágico e alegre com música e bebida brasileira. Índia, Cingapura, Rússia, Estados Unidos, Colômbia, Inglaterra, Líbano… foram alunos do mundo todo, afinal aqui na IE somos mais de 100 nacionalidades.

Olha as foto tiradas pela Alessandra Aroeira, partner de um aluno e grande parceira nossa.

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

A participação nos clubes é uma das coisas mais importantes da experiência do MBA. Nos clubes conseguimos realizar tarefas que vão além do escopo da faculdade, mas não é só festa. Estimulamos o networking e aprendizado com palestras sobre temas variados da atualidade, nos ajudamos e trocamos muita informação profissional e de nossas vidas como estudantes aqui em Madri.

Pra vocês terem uma ideia eu participo ativamente de dois Clubes e vou em eventos de quase todos os outros. É um aprendizado bastante “hands-on” e uma oportunidade única de desenvolver habilidades emocionais, como liderança e trabalho em equipe, colocando em prática o que estamos aprendendo na IE. Além da festa brasileira estamos planejando outros eventos para esse ano, muita novidade vem ai e vou contar tudo aqui no blog.

Por hoje é isso. Retorno em breve com mais novidades para vocês!

Selfie Restaurante: http://selfierestaurante.com/web/
RealCafé Bernabéu: http://www.realcafebernabeu.es/

Mantendo a forma e network ativa até na academia

Madri é uma cidade para todos os esportes, mas adequar a nova rotina do MBA e vida social a outros hobbies que eu tinha no Brasil levou um tempo. Depois de três meses parado, consegui voltar ao cross-fit – uma válvula de escape muito necessária!

Estou praticando em uma academia aqui mesmo no campus da IE. Existem inúmeros Clubs (ioga, rugby, futebol, dança…) com os quais a gente pode se identificar, no meu caso, o cross-fit foi um deles. Os treinos acontecem três vezes por semana, e também é uma ótima maneira de manter o networking ativo.

Vejo vocês em uma próxima (braços tremem enquanto escrevo!),

João